Cada linha desta história..

Tecida calma e serenamente de início,contém o seu conto, o seu sentimento e emoção.. Mas no final desta história à uma ausência total de Amor..

Lembranças tecidas a dois, marcadas e vividas a dois..

Esta ligação criada e amada que nos une desde o início destes tempos que fica por terminar, suspensa neste tempo, neste firmamento deve ser liberta.. Cortada..

Mas destruir não é assim tão fácil, eliminar e enterrar todo o tipo de sentimento e emoção.. Actuar como se nada se tivesse passado.. Não pode ser assim!!

Eu sou tudo o que vibra neste meu ser, sou toda a energia que ressoa pela minha alma, seja ela boa ou má..

Sou feita de todos os contos, histórias, e estórias que criei, que vivi e que narrei…

Tudo faz parte de mim, as memórias e recordações, as alegrias e tristezas, os risos e os choros, as mágoas e as paixões, todo o Amor que vivi e senti…

Não posso esquecer, eliminar ou destruir tudo isso.. Não posso destruir a minha teia.. Por muito mal que tenha sido tecida.. Por muito Feia que se apresente.. É a minha Estória, a minha Teia, tudo que Sou..
Não me posso destruir a mim mesma e renascer como uma Fénix no sentido figurativo..

Tenho de viver com tudo o que sou, fui e serei…

Tenho de viver contigo, com a mágoa, a raiva e a tristeza que me fazes sentir.. Mas tenho de aceitar e avançar.. E principalmente tenho de viver Comigo..

Tenho de Caminhar nas Sombras, percorrer a minha Teia e sentir tudo, e controlar meus sentimentos! Saber dar o melhor de mim.. Transformar a raiva em serenidade, a mágoa em resignação, o amor resiliente…

Tenho de aceitar e abraçar todos os acontecimentos, tudo o que fiz, caminhar nas minhas sombras, no mundo que criei e me rodeia..

E fazer as melhores escolhas, com o melhor de mim..

Controlada, ciente de todos os meus sentidos e emoções, na posse de todas as escolhas e caminhos, sabendo a consequência de cada passo dado..

E sempre no caminho do Bem, do que é Justo, do que é um Amor honesto, sincero e puro.. Em todos estes Mundos..

  • Só por hoje não te irrites
  • Só por hoje não te preocupes
  • Só por hoje sê Grata
  • Só por hoje vive e trabalha honestamente
  • Só por hoje ama incondicionalmente

Percorrer a minha teia, o meu Mundo, as minhas estórias de um novo modo..

Antes tinhas o factor pessoal, agora que cortas-te com o que estava mal, transmuta, escolhe bem, trabalha interiormente Não Fales..

A tua partilha não é feita com eles, eles têm as escolhas deles.. A tua partilha é cá em cima, com a tua consciência, com a tua Alma..

Sê boa, nas sombras, caminhando para A Luz, trabalhando o bem, o Amor…

Observado, vendo, reconhecendo, mas não falando, trabalhando..

Afina as linhas da Tua Teia, tens as ferramentas põe mãos à obra..

Trabalha nas Sombras para a Luz, Resgatando a Tua Alma…
Om Shanti…

Awen…

Namaste…

Blessed be…

Anúncios

Sim, sei quem sou…

Sei muitas das minhas fases,outras desconheço e de algumas já me esqueci…

E mesmo assim,muitas vezes me sinto perdida nas encruzilhadas da vida..

Sei o teu nome,as tuas caras,as tuas fases,o que reges,o que balanças,o que curas,as injustiças por quais guerreias..

Sim,teu sangue corre no meu,corre em todas nós,a pulsaçao que sentimos no silêncio,na calmaria são tuas,são minhas,são nossas..

Coloca os pés no chão,liga-te!!!

Sou eu Aranthia,a que tece os fios da vida,as linhas que nos une a tudo e a todos,assim como as 3 Mouras que tecem seu tear e regem as leis da roda da vida,a roda do ano,a roda da encarnação…

São tantas as tuas fases,o modo que te desdobras para poderes chegar a todas nós,em todos os pontos deste planeta,deste mundo,desta era…

Sou eu Hécate,senhora das encruzilhadas,do submundo o elo que liga os vivos e os mortos,que os encaminha para as sombras ou para a luz,a que rege os 3 mundos…Feiticeira, deusa da Noite…Assim como Nut..

Tens tantos nomes como fases,então se falarmos de amor..Afrodite,Athenas…

Se enumerar todos os teus nomes vejo o exagero que é tentar definir algo,nomear algo,colocar algo em papel que não deve ser definido mas sentido..

Demeter,Persefone,Afrodite,Pachamama,Nut,Danu,Kali,Morrigan,Morgana,Brigit,Freya,Circe,Aranthia,Hécate,Lilith,Maria,Athenas,Artemis,Isis…..

Apenas uma mas para muitos várias,isso porque te desdobras à necessidade de cada um,ao contexto de cada um,e para cada acção uma reacção….A mensagem é sempre a mesma..

Vivemos de emoções,sentimentos,instintos de todo um conjunto de necessidades neste mundo de agora,neste tempo de agora,como tal temos várias perspectivas e vários mundos individuais apresentados de várias maneiras mas és só uma,vives em nós,em todas nós,assim como todas nós vivemos em ti..

Não te preciso de chamar por um nome que desconheço,só preciso de te sentir…Há Deusa que habita em mim..

Tudo é energia!!!

#Lupa

Hoje sou Ninguém

Hoje sinto-me como ninguém.. Como se fosse ninguém, um ser errante que vagueia nesta terra de loucos, insanos, insensatos,insensiveis,egoistas e de tamanha falta de humilde e ajuda ao proximo…

Estou vazia de mim, da minha Luz, da minha energia.. Desgastada, cansada e frustrada..

Sinto falta de atenção e dou-me ao papel de vitima,sempre a mesma historia, o mesmo padrao, o mesmo ciclo…

Basta!!!

Lua de Sangue

Ora bem..

Lua renascida há dois dias e meio neste Mercúrio retrógrado que me faz cismar nos velhos padrões, nos velhos hábitos.. 

Revolta me que não aceitem a mudanca, a Evolução..

E até mesmo eu sou relutante em mudar pois nada altero nos meus hábitos não elimino os meus vícios.. 

E abandono a minha Arte…

Cortar os padrões, aceitar a mudança, caminhar um novo caminho..

Trilhar esta vida praticando o conhecimento…

Lupa#

Mito da criação

Dez mil nomes

“Há muito, muito tempo atrás só havia trevas – um vasto e negro oceano infinito – o vazio que não era lugar algum. Deste lugar de nada, o Espírito se formou e em uma poderosa explosão de vibração, a Deusa passou a existir. Sua essência era perfeito amor e perfeita confiança. Em seu coração ela continha a presença do Espírito e não havia nenhuma parte dela que não fosse divina.

Em êxtase, nossa Deusa dançou nos céus, seus pés descalços marcando o ritmo de toda a criação, dando nascimento a todos os padrões de energia enquanto faíscas de luz saíam de seus cabelos e das pontas de seus dedos. Ela criou as estrelas e os planetas e os convidou a dançar com ela. E quando eles começaram a se mover, foi criada a roda do ano e a divina sinfonia do universo tomou forma. Ela lhes deu nomes de poder…

Ver o post original 231 mais palavras